Dicas

Cuidados com os cavalos durante o inverno

Neste período é necessário redobrar a atenção, garantindo condições favoráveis para a manutenção da saúde equina

O inverno chegou e agora os cavalos necessitam de cuidados para que permaneçam saudáveis durante os dias de frio. Algumas medidas podem ser implementadas nesta época:

 Uso de capas e estabulagem

Como todos os mamíferos, os cavalos são endotérmicos, ou seja, são capazes de gerar e dissipar calor, desta forma mantendo sua temperatura corporal estável independente das condições climáticas. Como parte deste mecanismo, os equinos desenvolvem a “pelagem de inverno” que tende a ser mais longa e grossa.

Contudo, o comprimento e espessura dos pelos varia conforme a raça e idade, sendo necessário o uso de capas para alguns, principalmente, animais magros, debilitados e idosos. É importante atentar-se à sudorese do animal que está com a capa, retirando-a caso transpire demais.

Outra opção para protegê-los é a estabulagem, porém a cama deve ser de boa qualidade e limpa, afim de reduzir a ocorrência de alergias e desconfortos respiratórios.

 Incentivo ao consumo de água

É fundamental mantê-los bem hidratados e é comum que os volumosos fiquem mais secos no inverno e desta forma, reduzindo a quantidade total de água ingerida, portanto uma parte maior dos líquidos consumidos deverá vir da água de bebida.

A redução do consumo de líquidos pode levar à cólicas por compactação e uma boa estratégia para incentivar o consumo de água é o fornecimento de eletrolíticos.

Manejo sanitário e imunidade

O confinamento e aproximação dos animais no inverno, aumenta a transmissão de doenças infecciosas como a influenza equina. Por esta razão, é fundamental manter a vacinação em dia e auxiliar o bom funcionamento da imunidade, principalmente dos animais de alta performance. Estes cavalos são constantemente exigidos e frequentemente necessitam de 2 a 3 vacinas para Influenza Equina.

Outras categorias que merecem atenção são os potros e os idosos e uma das formas de ajudar o bom funcionamento dos sistema imune é o uso de antioxidantes como as vitaminas E e C e o Selênio.

 Treinamento

O treinamento continua mesmo durante o inverno e por isso, é importante lembrar que o aquecimento adequado é fundamental para levar sangue, oxigênio e melhorar a condução nervosa na musculatura, aumentando o desempenho e reduzindo a ocorrência de lesões. Além disso, o aquecimento prepara o coração e o metabolismo para o exercício em alta intensidade.

É comum que alguns cavalos apresentem maior dificuldade em realizar os movimentos nos dias frios e para estes, o aquecimento é ainda mais importante. Explorar gradativamente o passo, o trote e o galope é uma das formas de adaptar tendões, ligamentos e músculos ao exercício. Outra forma é associar o alongamento antes e/ou depois dos treinos, com movimentos orientados pelo médico veterinário e adaptados individualmente.

Alimentação e Suplementação

A alimentação e suplementação adequadas devem ser mantidas afim de auxiliar na construção e manutenção dos músculos, quantidades e horários devem ser respeitados. Além disso, ele diz utilizar com frequência a Vitamina B12, essencial para a geração de energia e replicação de células sanguíneas.

Mesmo que aparentemente os animais transpirem menos durante treinos e provas, a perda de eletrólitos também ocorre nos dias frios e deve ser reposta para manutenção da performance e bem-estar.

Por AV Comunicação Equestre
Crédito da foto: Divulgação/iStock

Clique aqui e veja outras dicas no blog da Protécnica

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo